Coroa Cruel







Coroa Cruel é baseada em dois contos de dois personagens citados em Rainha Vermelha.


Canção da Rainha: Coriane Jacos apesar de ser uma prateada não vivia no luxo, sua família estava em ruínas e seu pai gastava tudo o que pouco eles tinham. Até que ele assumiu o cargo que era do seu irmão falecido, já que este não tinha herdeiros. Entre um dos eventos diante da sociedade, Coriane esteve na presença do rei Tiberias e todo seu reinado. Naquela mesma época o murmurinho sobre conseguir a mão do príncipe já era de grande interesse das princesas das outras casas. Mas Coriane sabia que não tinha grandes chances, só que o destino fez com que conhecesse Tiberias filho- o príncipe e ambos acabaram se apaixonando. Mais tarde, Coriane deu à luz a Cal, porém nunca encontrou a paz interior.




Cicatrizes de aço: Diana Farley sempre esteve envolvida no movimento, uma das líderes da rebelião vermelha, deu o início para que marchassem seus aliados até Norta, mesmo sem o apoio de seu chefe Farley segue com seus planos. Mesmo quase a ponto de colocar todos em risco, Farley consegue seus objetivos, porém acaba conhecendo o irmão de Mare e a partir dali uma grande amizade e algo a mais surge entre os dois.

**

Essa obra, além de trazer dois contos, ela vem com alguns capítulos de Espada de Vidro e um mapa de toda a localidade por onde ocorre os eventos citados.  Adorei o livro, os contos são maravilhosos, e esse extra de Espada de vidro já me deixou com gostinho de quero mais. Essa distopia é encantadora e eu indico a todos.




Ao ler o conto de Coriane eu fiquei com muito dó da personagem, queria que no passado todos tivessem dado a devida atenção a ela. Fora que achei incrível o quanto ela é parecida com seu filho e a mulher que ele ama, Mare. Farley é aquela soldada bem guerreira que faz tudo pela causa e pelo bem e o melhor de todos.

**

Autora: Victoria Aveyard
Editora: Seguinte
Edição: 2016
Número de páginas: 229
Nota: 
Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger