sábado, 13 de janeiro de 2018

# Drama # Resenhas

A Força que nos atrai

Resenha



Graham Russell é um escritor de terro muito famoso que recentemente perdeu seu pai, Kent, que também era um escritor famoso. No entanto, sua relação com Kent nunca foi boa, na verdade Graham sente um verdadeiro ódio do pai. Para piorar ainda mais a situação ele como filho terá que comparecer ao enterro grandioso do pai no qual ele terá que ser o orador, mas seu desejo mesmo é ficar em casa do que disfarçar a perda de uma pessoa no qual ele não sente falta. Apesar de nunca ter desejado um filho, sua esposa Jane se encontra grávida e com todos os hormônios a flor da pele. Mas o que Graham não sabia é que justamente no dia do enterro do pai sua vida iria mudar completamente.

Lucille ou Lucy sempre teve uma vida difícil financeiramente, seus pais eram separados e sua mãe nunca parava em uma casa fixa, sempre se mudando por falta de dinheiro. Lucy e suas irmãs sempre viveram pra lá e pra cá, mas Lucy e Mari sempre foram felizes mesmo diante da situação, já Lyric, nunca gostou da vida que levava. Depois que a mãe morreu, Lyric deixou as irmãs e foi viver sua vida, mesmo quando Mari ficou com câncer ela não ficou ao lado da irmã.
Lucy e Mari depois de um tempo acabam abrindo uma Floricultura, e uma das entregas do dia era um funeral que ia ser no estádio de futebol. Depois do grande evento, Lucy acaba ficando presa e quando ela pensa que sua grande sorte chegou para lhe salvar, Graham acaba ficando preso com ela em dos locais do estádio.

Mesmo mal se conhecendo a conexão com eles parece ser bem fluída, mas nenhum dos dois perceber. Graham sem querer acaba desabafando seus sentimentos e Lucy acaba sendo uma grande ouvinte e aconselhadora. Até que ambo são tirados daquele momento quando a esposa de Graham, Jane, aparece para salvar o marido. No entanto, Jane na verdade é Lyric e é aí que a vida de todos começa a mudar.



“Sentimentos eram uma coisa estranha; as pessoas podiam ficar tristes em um segundo e felizes no outro. O que mais me surpreendia era como, de vez em quando, elas sentiam as duas coisas ao mesmo tempo.”

“-É engraçado, não é? Como o anjo de uma pessoa pode ser o maior demônio de outra.”

“ [...] palavras também ajudam. Mas, no fim, são as suas ações que vão falar mais alto.”




Eu gostei bastante desse livro, me tocou em algumas cenas, mas no geral achei bem razoável comparado aos outros da série. Sabe aquele livro ok? Então, é esse! Ele tem uma história gostosa, emocionante e aborda os temas como a positividade e a família e claro o amor neh. É um livro para passar a tarde lendo se divertindo em alguns momentos e se emocionando. Na verdade, conta uma história linda sobre o amor familiar, sobre o amor ao próximo, amizade e claro que tem uma história linda de amor que nasce nesse enredo. Sabe aqueles tipos de histórias que merecem um final feliz? Também é esse livro.

Em comparação com os outros livros eu o achei o mais fraco de toda a série, o enredo não tem muitos textos comparados aos outros e fica praticamente o livro todo envolvendo uma única história. Infelizmente o casal demora “uma vida” pra ficarem juntos, resumidamente, tem muita enrolação no meio.

Sobre os personagens...eu amei demais o Graham, sério, se ele fosse real queria dar um abraço nele bem forte. Suas palavras e conselhos são intensos e verdadeiros. Lucy é aquela personagem super paz e amor, que tem uma vibe muito positiva e boa, é aquela personagem que se fosse uma pessoa seria daquelas que você encontra e já sente algo espiritual muito bom. Jane/Lyric é uma vaca e Maria foi minha maior decepção nesse livro, ainda bem que ela retoma o juízo.

Contudo, acho que a autora fechou bem a série nos dando um livro bem light e tranquilo. Confesso que esperava mais, pensei que esse seria aquele desfecho de rasgar o coração, além de tudo, pensei que teria mais cenas adultas como o Ar que ele respira, mas as que tece foram bem de levinho. Então, para aqueles que ainda não leram, não vão com muita sede ao pote, pois esse não é aquele livro super incrível.


Para conferir as outras resenhas dos outros livros clique nos títulos.

O Ar que ele respira


A chama dentro de nós


O silêncio das águas



Ficha Técnica

Autora: Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Publicado: 2017
Número de páginas: 294

Nota: 

Instagram