quinta-feira, 16 de março de 2017

# Distopia # Resenhas

A Química

Resenha



Dra. Juliana trabalhava para o governo junto com seu amigo Dr. Barnaby interrogando criminosos, principalmente terroristas que estavam querendo abalar o país. Nos seus tempos livres, ela trabalhava desenvolvendo várias fórmulas e biotecnologia para aperfeiçoar suas técnicas. Até que ela e o amigo sofrem o grande golpe do governo e Julie tem que começar a viver como fugitiva.


Depois de um bom tempo mudando de destino, nome, aparência e identidade, seu ex chefe Carston consegue entrar em contato com Julie e ela acaba cometendo um grande erro respondendo seu email. Ao decidir se encontrar com Carston, Julie, ou melhor Alex (seu novo nome), descobre que o governo está precisando dela novamente e que se ela conseguir o que eles querem não precisará mais viver como fugitiva.

Alex decide colocar seu plano em ação e ir atrás do seu alvo, Daniel, um terrorista que quer infectar toda a população com um vírus poderoso e que aproveita do seu trabalho como professor para disseminar uma epidemiologia. Porém ao ter contato com Daniel, Alex acaba se sentindo envolvida e responsável por ele e é quando ela descobre que as coisas não são tão simples como ela pensava que iria ser, além dos sentimentos lhe traindo muitas verdades ainda teriam de ser descobertas.

**

“A gente cria tantas ideias sobre as pessoas, fabrica a pessoa que deseja, e depois, tenta manter a pessoa real dentro do molde falso. Nem sempre funciona bem.” (p.67)

“É curioso como não nos damos conta do quanto temos a perder até perdemos.” (p. 411)

**

Eu realmente amei demais esse livro, a cada linha eu queria mais e mais e não conseguia parar de ler. No início ele te da impressão que será um livro monótono, mas depois de algumas páginas a obra começa a te surpreender. Achei incrível a história, muito bem escrita, sinceramente não parece nem da autora, apesar de amar a saga Crepúsculo, eu como leitora e profissional da área não encontrei nenhuma lacuna perdida. O livro é recheado de mistério e ação, além de um lado meio sarcástico e cômico. A obra virou um dos meus favoritos, realmente incrível.

**

Autora: Stephenie Meyer
Editora: Intrínseca
Edição: 2016
Número de páginas: 495
Nota: 



Instagram