terça-feira, 2 de maio de 2017

# Drama # Resenhas

Novembro, 9




Fallon desde pequena seguia a vida de atriz, até que um acidente na casa do seu pai fez com que ela deixasse a vida artística. Aos 18 anos, Fallon decide mudar seu rumo e sair da sua cidade natal para ir morar em Nova York e tentar retomar sua carreira. Mas o destino lhe aproxima de Benton, um jovem escritor, no mesmo dia que está marcado seu voo. Ambos acabam tentando se conhecer nesse curto tempo e se entregando, mesmo sendo completamente estranhos e desconhecidos um para o outro. A data era nove de Novembro, e antes de Fallon partir eles combinam de se encontrar todo ano nessa mesma data e no mesmo lugar que se viram pela primeira vez, enquanto isso, Ben vai escrever como foram esses encontros em forma de livro. Até que tudo termine quando os dois tiverem 23 anos, uma idade que possam estar maduros para tomar a decisão de se apaixonarem e ficarem juntos. A grande questão é, será que tudo não passa de uma ficção, algo criado por Ben para ter um enredo de seu livro ou será que existe um amor e que tudo que vivem é real?

**

“Uma das coisas que sempre tento lembrar a mim mesma é que todo mundo tem cicatrizes. Muita gente tem umas ainda piores do que as minhas. A única diferença é que as minhas são visíveis e a da maioria das pessoas, não.” (p.76)

“Quando digo que você simplesmente sabe, é porque você vai saber. Não vai questionar. Não vai se perguntar se o que está sentindo é realmente amor, porque, quando for, você vai morrer de medo de sentir isso. E, quando acontecer, suas prioridades vão mudar. Você não vai pensar em si mesmo e na própria felicidade. Só vai pensar nessa pessoa, que você faria tudo para ver feliz. Mesmo que isto significasse se afastar dela e sacrificar a própria felicidade pela dela.” (p.293)

**

Pense em um livro no qual você possa se emocionar, é esse. Como chorei horrores com essa história, muito tocante e envolvente, você não consegue parar de ler até descobrir o que irá acontecer com o casal. Uma obra recheada de segredos, mistérios, dor e cicatrizes. Depois desse livro quero ler todos da autora, me apaixonei pela escrita. Ben é literalmente surpreendente, sem explicações e Fallon apesar de tudo que passou é pessoa super espirituosa e de bem com a vida. Esse é um livro que todo leitor deve ter em sua estante.

**

Autora: Collen Hoover
Editora: Galera
Edição: 2016
Número de páginas: 351
Nota: 


Instagram