sexta-feira, 30 de junho de 2017

# Resenhas # Romance

A soma de todos os beijos

Resenha




Hugh Prentice após desafiar Daniel Winstead a um duelo colheu as consequências de uma noite que estava bêbado. Depois de levar um tiro na perna, Hugh tenta se recuperar para começar a pôr sua vida nos eixos. Primeiramente ele tenta livrar Daniel das ameaças de morte do seu pai Ragsmate, e com isso começa a pensar em uma forma de atingir no ponto mais fraco do seu pai, que é a ideia de um herdeiro para perpetuar o nome da família. Tendo em vista que sua ameaça teve todo sucesso possível, Hugh vai atrás de Daniel falando que este poderia voltar a Londres e viver sua vida tranquilamente.

Após se passar um tempo, Hugh é convidado para ir aos casamentos dos Smythe – Smith. E nessa turnê de matrimônios Prentice se depara com a presença inesperada de  Sarah Pleinsworth, prima de Daniel.
Sarah em um passado um pouco distante teve o “prazer” de conhecer Hugh, o homem que afetou a vida de todos seus familiares depois de um duelo. Em relação a Sarah, ela acabou perdendo a sua primeira temporada em Londres, e perdendo a chance de conseguir um partido, e de não tocar mais no quarteto da família. Sua raiva por Hugh retorna quando sua prima Honoria lhe pede para fazer companhia ao cavalheiro.

Entre tantas diferenças e desafetos Hugh e Sarah vão tentando achar uma linha tênue por meio das conversas da convivência diária. Eles só não esperavam era estreitar tanto a relação e acabar concedendo ao desejo.


Adorei a obra apesar de levar uma vida para enfim ver algumas coisas acontecerem. O que tornou a história mais incrível foram a presença das irmãs de Sarah - Frances, Harriet e Elizabeth, as meninas são muito engraçadas. Frances então...a personagem já tinha ganhado meu coração no segundo livro e vem ganhando espaço desde então. Sobre os protagonistas, eu me surpreendi com Hugh, pensei que ele fosse ser um personagem mais sério, porém tem um lado expansível. Fiquei com muita pena dele, é um personagem muito sofredor. E Sarah apesar do seu jeito um pouco exagerada é muito alegre e também me surpreendeu no final. Indico a todos conhecerem a obra.


Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Edição: 2017
Número de páginas: 271

Nota: 

Instagram